Maternidade

Maternidade

Dicas para uma boa amamentação

29.11.2017

Amamentar é uma delicia, eu gosto muito dessa experiência, é uma conexão que criamos com os bebês, troca de olhares, carinhos e afeto!
Mas sejamos realistas, os primeiros dias de amamentação não é nada fácil, o peito dói, o leite empedra e até o bebe e a mãe se acostumarem com a nova rotina não é tão fácil!

Por isso quero compartilhar com vocês o que me ajudou bastante nesses fase de amamentação! Vou colocar os produtos exatos que usei e gostei bastante!

 

Bomba de tirar leite

Com a primeira filha usei bastante no começo, acho importante ter uma, porque quando o leite desce, ele vem  com tudo! Até a “oferta e demanda” se ajustarem o peito fica com muito leite e é importante tirar um pouco do leite para que não empedre e vire uma mastite! Mas atenção, não esvazie o peito, tire o suficiente para não sentir mais as mamas empedradas.

A bombinha de tirar leite eu usei com mais frequência com meu segundo filho, sempre deixava um leite congelado, por conta da filha mais velha as vezes tinha que me ausentar em algumas mamadas, ou era por causa de uma reunião na escola, festinha de amigo, uma consulta no médico ou por qualquer outro tipo de emergência.

 

Bombinha elétrica Avent

 

Garrafinha de guardar leite

Usei muito as garrafinhas da Medela para estocar leite no congelador. Para quem quer deixar leite de reserva para qualquer ocasião ou emergência precisa ter.

 

Garrafinha Medela

 

Pomada Lansinoh

Já coloca essa pomada na mala da maternidade! Essa pomadinha ajuda a hidratar e proteger os mamilos rachados e doloridos devido a amamentação. Mas o segredo dela é usar bem pouco, e não colocar muito, é colocar uma quantidade bem pequena como um pequeno grão de arroz, coloque nos dedos e depois nos mamilos. Faça isso a cada término da mamada e quando sair do banho.

 

 

Mamare

O Mamare é um protetor em gel em forma de disco que absorve o excesso de líquido, reduz o amolecimento e previne a maceração dos mamilos, oferecendo proteção durante o período de amamentação. Possui ação absorvente e auxilia no processo de recuperação da pele, tratando fissuras mamárias. É ótimo e da um super alivio nos mamilos rachados!

 

 

Absorvente para seios

Não saia de casa sem! Alias, use até em casa! O absorvente para seios vai ser seu segundo melhor amigo, para não passer aquele vexame de blusa molhada! O leite sempre vaza, e para não ficar trocando de blusa a cada hora é essencial o uso do absorvente, você vai usar muuuito! Minha dica: já vai fazendo um estoque dele e não esqueça de usar a noite!

 

Absorvente para seios da Chicco

 

 

 

  1. cyworozy disse:

    Se puede es infinito hablar a este tema.
    Anonymous links

Deixe o seu comentário!

Maternidade

E quando uma criança sofre racismo?!

27.11.2017

Quem acompanhou neste último final de semana mais um triste episódio de racismo envolvendo a filha dos atores Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank, Titi, ficou com certeza muito chocado com o vídeo maldoso, preconceituoso de uma “maluca” brasileira chamada Day Mcarthy.

A infeliz postou um vídeo em sua conta no Instagram chamando a menina de coisas não legais, (na verdade eu também nem quero deixar escrito aqui o que foi falado porque não consigo nem escrever o que essa pessoa de coração frio falou).

Mas enfim, essa tal de Day Mcarthy, foi longe demais em colocar e expor uma criança de quatro anos aos seus comentários racistas. Em um de seus vídeos a moça se vangloria por morar no Canadá e diz que não tem como levar processo por morar em outro pais.

O ator Bruno Gagliasso foi nesta segunda feira a delegacia para registrar o crime e garante que sim, essa pessoa sem noção pode ser denunciada por racismo.

Além do crime cometido mostra o quão uma pessoa pode ser insensível, no vídeo a criminosa questiona o porque as pessoas chamam ela de feia e se compara com a aparência de Titi.

O que uma criança indefesa tem a ver com a “baixa estima” dessa mulher pobre de espirito e de coração!? Aonde chega o limite do ser humano, usar uma criança, seja ela quem for, qual a sua cor, classe social, sexo, se é filho de famoso ou não, ofender uma criança ingênua que não sabe nem se defender.

Eu como mãe fiquei bem comovida com essa história. Nós queremos que nossos filhos possam viver num mundo com mais amor e compaixão. Assisti o vídeo do ator dando seu depoimento a imprensa assim que saiu da delegacia e mostra o quão incapaz um pai pode ficar numa situação desta, o que foi de alcance dele ele fez, mas só, o que mais ele pode fazer? Triste ver um sentimento assim, de uma pai tentando defender sua filha e a impossibilidade de acabar com o racismo e preconceito no mundo. A parte dele, ele está fazendo, mas o caminho é tão longo que precisa mudar uma humanidade.

Fica aqui minha força a família e que não desistam nunca de defender com todas as forças possíveis, desses “seres” malucos e sem coração.

 

  1. Harry perlman disse:

    Magnífica sua matéria somos todos iguais perante todos não temos diferenças nenhuma somos de dangue

  2. Nena disse:

    Contra tudo e todos tipos de preconceito . Não apenas pela cor, deficientes fisicos e mentais, condições financeiras baixas,contra padrão de beleza e enfim .

  3. Rodrigo disse:

    Abaixo o preconceito sem sentido e desnecessário. Mais amor por favor.

Deixe o seu comentário!

Maternidade

Atividade física no pós parto

15.11.2017

 

Não é novidade que a atividade física é super importante para uma vida mais saudável, mas para quem esta passando pelo pós parto um exercício físico pode trazer mil benefícios, mas não falo no sentido estético.

Eu sempre fiz atividade física e isso para mim nunca foi um problema, pelo ao contrario, é minha terapia, meu prazer. Mas quando eu passei pelo período de puerpério percebi o quanto era importante estar me exercitando.

Esse momento de pós-parto não é fácil, atire a primeira pedra quem nunca deu uma choradinha nesse período! Nós ficamos muito sensíveis e essa história de hormônios não é brincadeira e desenvolver uma depressão pós-parto é mais fácil do que se parece.

A atividade física libera o hormônio do prazer, a endorfina, ela é a responsável por nos dar a sensação de bem estar, melhora o humor, aumenta a disposição física e mental. Assim que a minha obstetra me liberou para praticar atividades físicas eu voltei a ter mais prazer e disposição, e por incrível que pareça até parei com as choradeiras sem motivos.

Nesse período acho importante a mãe arranjar um tempinho, uma horinha do seu dia e se dedicar para alguma atividade física, não pensando em perder os quilinhos extras ganhos com a gestação, isso vai ser uma consequência, mas pensando em ter um momento só dela, um momento que vai estar cuidando da sua saúde emocional e vai estar conectada com ela mesma, sem pensar em mamadas, filhos, fraldas e etc, um momento seu para relaxar.

Escolha um exercício físico de baixa intensidade, pode ser uma simples caminhada ao ar livre, uma natação para relaxar na água, um alongamento, pilates, o que vai lhe trazer prazer. Mas não deixe de fazer assim que seu médico liberar é importante para quem está passando por essa bomba de hormônios do pós-parto. Meu conselho, termine a mamada, calce seu tênis e viva a endorfina!

 

Deixe o seu comentário!

Maternidade

Irmãos

10.11.2017

Eu fui, graças a Deus, muito abençoada com dois irmãos que eu não sei o que seria da minha vida sem eles! Pensando nisso e agora que tenho dois filhos, não poderia deixar de dizer o quão é importante ter irmãos. Meu coração enche de amor quando vejo meus dois filhos interagindo um com o outro, quando um faz o outro rir e quando eles se abraçam e se beijam.

 

Irmãos são aqueles que nos entendem só com o olhar.

Irmãos são amigos para o resto de nossas vidas, são nossos conselheiros, parceiros de crimes, confidentes e sabem dos nossos maiores segredos.

Só irmãos vão passar juntos pelos mesmos dramas e felicidades que acontecem dentro da mesma casa.

Só os irmãos vão ter as mesmas memorias das melhores ferias.

Irmãos vão chorar e rir pelos mesmos motivos juntos.

Irmãos vão brigar que nem cão e gato, mas só os irmãos vão saber dar o melhor abraço  quando você mais precisar.

Irmãos são almas complementares.

Irmãos são as melhores coisas do mundo!

E a melhor coisa que você pode dar ao seu filho é um irmão!

 

meus parceiros de vida

  1. Nena disse:

    Que lindo…. irmãos sao para sempre.mesmo sangue, mesmo tudo.!!!

  2. Jeniffer disse:

    Sem palavras!!! Tambem compartilho das mesmas emocoes que vc em relação a beleza de ter irmãos!!!!! Nossos parceiros de vida, de familia, de jornada. Eh uma uniao unica e especial!!!!!! Love u irma/irmana/sis <3

Deixe o seu comentário!

Maternidade

Teatro da Bela Adormecida

11.10.2017

Neste final de semana estreou no teatro Bradesco a peça da Bela Adormecida, o musical com direção do italiano Billy Bond encanta todos os que estão assistindo! A peça é  interativa o tempo todo, conta com efeitos especiais e interação com o público, podemos sentir cheiros, sensações de chuva e neve!

As fadinhas são um espetáculo a parte, super engraçadas e brincam com a plateia o tempo todo! As crianças ficam encantadas com a presença da Aurora, e até participam da festa surpresa que as fadas fazem para a princesa.

Uma peça muito agradável, divertida e com cenários, musicas e figurinos muito bem produzidos, a peça ficará em cartaz até o dia 29 de outubro no teatro Bradesco.

Deixe o seu comentário!

Eu gosto sempre de dar presentes que tanto a minha filha como meu filho podem brincar, não vejo problema nenhum em minha filha brincar de carrinho e nem ele com as bonecas dela, mas gosto de presentear com algo que os dois possam brincar e sem “estereotipar” o brinquedo. Como o Dia das Crianças já está ai fiz uma seleção de presentes que achei bacana !

– Se você tem um mini chef em casa, eles vão adorar a nova linha de brinquedos Masterchef Junior Brasil, tem micro-ondas, torradeira, fogão, batedeira, cooktop e liquidificador.

 

– Se o seu pequeno é super vaidoso a Mustela tem um novo perfume o Musti, em sua formula são só ingredientes naturais e pode ser usado em bebês também, a loção é hipoalergênica, sem álcool, parabenos, ftalatos, fenoxietanol e sem qualquer outro tipo de ingrediente que possa fazer mal as crianças.

 

– Já para a criançada que adora música o presente ideal é o Box com 5 DVDS de comemoração dos 20 anos da Palavra Cantada.

 

Deixe o seu comentário!

Maternidade

Bolsinha de ervas para cólicas

05.10.2017

Cólica em bebês é um dos piores momentos! Minha filha e meu filho infelizmente tiveram cólicas, quando a minha filha teve eu não conhecia a bolsinha de ervas, mas com o meu filho eu usei bastante!

De verdade, nada resolve muito as cólicas dos pequenos, mas essa bolsinha de ervas Happi Tummi ajudou muito, comprei pelo site da Amazon. É super fácil de usar, tem que aquecer a bolsinha por volta de 10 a 15 segundos no microondas e colocar na barriguinha do bebê, ela tem um cheirinho muito agradável.

Ela também pode ser usada paraoutro tipos de dores dos pequenos, usei para aliviar as dorzinhas das vacinas e até na minha filha usei para dor de ouvido. A bolsa de erva quando aquecida alivia os sintomas das dores e acalma. Super indico, e ajuda mesmo a acalmar  nas horas das cólicas!

 

Deixe o seu comentário!

Adorei os vídeos fofíssimos que a Mustela lançou no canal do Youtube e no Facebook da marca! Achei muito bacana a ideia e é uma super ajuda para as mamães de primeira viagem!

A Mustela fez cinco vídeos que ensinam e tiram dúvidas sobre os principais cuidados com os bebês, como a hora do banho, troca de fralda, higiene, hidratação e ritual de massagem. O bacana também é saber quais os produtos apropriados para cada ocasião.

Para os pais de primeira viagem é um guia muito legal, ensina os passo a passo de cada cuidado que devemos ter com os bebês, além de ser muito fofo!

Para acessar os vídeos acessem o link: https://www.youtube.com/mustelabrasil

Deixe o seu comentário!

Minha primeira gestação foi super na surpresa, não estava esperando engravidar, mas hoje digo de coração aberto que foi a melhor surpresa que eu já tive!

Eu nunca tinha trocado uma fralda antes, não curtia pegar recém-nascido no colo e quando descobri que estava gravida fiquei em choque. Não me preparei em nada e nem busquei informações, então eu digo que para mim ser mãe de primeira viagem foi  “um tapa na cara”, depois de nove meses eu estava cuidando de um ser pequenino e nem sabia por onde começar! Descobri tudo na prática, sem manual, sem livros e leituras, e muitas coisas ninguém conta para nós, por isso vou listar o que ninguém me contou e que acabei aprendendo com o meu “tapa na cara”.

 

– o peito vaza leite e precisa usar absorvente para os seios, depois que sai do banho o peito parece uma torneira mal fechada, com gotejamento

– o peito na gestação fica grande, mas na amamentação fica maior ainda

– o peito dói na primeira semana de amamentação, eu chegava até ver estrelas de tanta dor, mas depois passa

– amamentar não é tão fácil quanto se parece, não é só colocar o filho no peito e pronto, precisa ter a tal da “pega” correta

– amamentar é uma delicia, é uma troca de olhares, de carinho e afeto

– cólica não melhora com nada! Não adianta massagem, remedinho e nem nada, só muita paciência e carinho pro bebê

– palpites alheios NÃO são bem vindos!

– a gente chora e fica muito sensível, mas com o tempo melhora

– a gente não fica cansada, a gente fica exausta

– todo mês tem consulta ao pediatra

– instinto materno é fortíssimo, o instinto de proteção então, nem se fale, eu parecia uma mãe leoa

– eu me dei conta de que nós somos bichos selvagens e que vivemos de aparência, a nossa verdadeira essência é a animal

– o amor é algo que se constrói a cada mamada, troca de fralda, cuidado, carinho, noites mal dormidas

– só se sabe amar como mãe depois que se tem um filho

– o casamento muda

– as prioridades mudam

– a vida tem mais sentido

– a vida que se tinha antes não vai mais existir

– dormir é luxo

– o amor é tão grande que chega a doer

– um sorriso banguelo é lindo

– eu não precisaria ter medo do parto e que ele seria o dia mais lindo da minha vida

– a gente esquece de todas as noites mal dormidas e de todo o cansaço

– depois de um ano já quer ter outro filho!

Eu sei, nem tudo foi glamoroso, mas essa foi a minha experiência e eu amei ter vivenciado ela desse jeito!

 

  1. Harry perlman disse:

    Parabéns a gente aprende cada dia mais a sermos gratos pelos nossos pais (MÃE) em especial que linda matéria divina parabéns minha filha maravilhosa aprendi mais Capítulo para a minha vida

  2. Jeniffer disse:

    Muito lindo seu texto!! Adorei e me emocionei!!

Deixe o seu comentário!

Outro dia alguém comentou para mim, “fulana está grávida, mas já falou que não vai amamentar”. Eu parei e pensei: “ta bom, ela não quer amamentar, é uma escolha dela”. Aí fiquei pensando muito sobre esse assunto, o livre arbítrio. Nós nascemos livres, temos e precisamos usar o  poder de escolha. Seja em qualquer área de nossa vida.

Mas pensando sobre isso na maternidade, como as pessoas estão chatas com relação a isso. Precisa amamentar, precisa ter parto normal, ai vem a galera do parto humanizado, precisa ser tudo natural, precisa disso, tem que fazer isso, aquilo e mais não sei o quê…

Eu sei que estáticas mostram que o leite materno é o melhor alimento do mundo, eu também acho, mas também tem na pratica as crianças que não foram amamentadas no seio e são saudáveis.

Eu sei que os números indicam que a cesárea é o que mais se tem feito, mas isso é uma escolha, igual a se escolher em ter um parto normal e um humanizado.

Ninguém é mais mãe ou menos mãe porque não amamentou, e seja lá qual for o seu motivo, você escolheu. Ninguém é uma super mãe porque fez um parto normal ou humanizado, e ninguém é menos mãe porque optou por uma cesárea.

O que eu quero dizer com tudo isso é que nós podemos fazer nossas próprias escolhas, as pessoas estão levando muito a sério aquilo que elas acreditam e acabam não respeitando a escolha do outro. Acho legal levantar a bandeira da amamentação, do parto humanizado, mas acho legal também ser mais leve em relação ao que você julga a sua verdade. Você escolheu, o outro também fez a escolha dele, ambos podem decidir o que é melhor para cada um.

A sua verdade pode não ser a da outra pessoa, o que é correto para um pode não ser para o outro, e está tudo ok, todas nós queremos no fim a mesma coisa, ser boas mães e ter filhos com saúde. O resto é resto. Vamos levantar a bandeira do livre arbítrio na maternidade, escolher o que é melhor para você, no que você acredita e no que vai te dar conforto e tudo bem se for diferente da opinião do outro, você que decidiu, a vida é sua, a escolha é sua e vamos respeitar a escolha do próximo. Por uma maternidade mais leve, sem julgamentos e de livre arbítrio!

 

  1. Carmen disse:

    Concordo plenamente !!

Deixe o seu comentário!